Sala do Veado

Exposição de Miguel Branco

Quando: 
14 de Maio de 2015 a 28 de Junho de 2015
Onde: 

Sala do Veado

Em 1978, um incêndio destruiu por completo a parte do Museu Nacional de História Natural destinada às colecções de história natural, perdendo-se assim um património valioso e insubstituível. 

O edifício foi reconstruído, mas ainda hoje restam salas inacabadas, com as paredes, o tecto e o chão em cimento cru. Entre elas, a "Sala do Veado", assim chamada por ter tido exposto um esqueleto de um cervídeo gigante, uma espécie extinta há 12 000 anos. Mantendo o seu nome emblemático, esta sala iniciou em 1990 uma programação regular de exposições de arte contemporânea que se manteve até aos dias de hoje, tornando-se um espaço de referência para a cidade de Lisboa e para o panorama artístico nacional. No final de 2015, o projecto Sala Do Veado terminará.

A exposição de Miguel Branco que agora se apresenta é uma homenagem ao espaço e à sua história, fazendo uma reflexão sobre o momento presente. O projecto foi concebido especialmente para a Sala do Veado, fazendo uma síntese de um trabalho iniciado em 2005, concluindo 10 anos de produção do artista. Uma publicação com imagens acompanha a exposição, que estará patente ao público de 14 de Maio até 28 de Junho.

Miguel Branco

 

Exposição temporária